Você está aqui

Banda campo-grandense Horse Society lança disco 'Mad Horse' em plataformas digitais

Sons do grupo podem ser ouvidos online

De olho em difundir sua música para muito além dos bares onde já tocam de hábito, a banda campo-grandense Horse Society lança seu novo álbum, intitulado "Mad Horse", nas principais plataformas eletrônicas, sendo elas Spotify, ITunes, GooglePlay e Deezer. 

O disco já está disponível na íntegra para quem quiser conhecer as novas canções. "Nosso objetivo é divulgar a banda o máximo possível, e temos uma receptividade muito bacana tanto fora quanto dentro do Estado. Não dá para não lançar nosso trabalho nessas plataformas, hoje em dia é imprescindível", explica João Ricardo Tognini, vocalista e guitarrista da Horse. 

A banda segue na cena campo-grandense firme e forte. Recentemente realizaram o pré-lançamento do disco no Old Motors Pub, e agora divulgam o primeiro single, a música "Ghosts on the Road", que também abre o disco. 

A canção começa com riffs de guitarra extremamente pesados e distorcidos, e um pequeno solo rasgado. A Horse consegue alcançar seu próprio tom e sua própria identidade com os vocais de João Ricardo. Sem cansar o ouvido com a virtuose dos riffs dos também guitarristas João Pedro Tognini e Anderson Rocha, as linhas de baixo do músico Marcos Yallouz "seguram firme" todo o peso. 

O refrão é recebido por uma levada precisa do baterista Ernani Júnior. Com perfeição, "Ghosts on the Road", que também possui um videoclipe, mostra a que o novo disco "Mad Horse" veio. 

Duas outras faixas vêm em seguida para marcar presença. A primeira é "Human in Chaos", que parece uma continuação com mais levada de "Ghosts on the Road". Mas dessa vez, João utiliza um vocal um pouco mais rasgado, com efeitos. Lembra mais do que nunca a banda Black Sabbath, que nos anos 70 fez a cabeça de todos os roqueiros do mundo com um som pesadíssimo. Os riffs distorcidos e a levada de Ernani sobre o prato de ataque fazem a ponte dessa influência mais pesada. 

Mas a Horse mantém sua assinatura disco afora, que pode ser vista em "Schizoid Personality", com a letra composta por João Tognini, que revisita a psiqué humana, de uma forma figurativa e bem rock'n'roll. Diferente das demais, é a bateria que puxa os riffs nessa terceira faixa. 

O disco por si se difere muito do primeiro lançado pela banda em 2014, intitulado "The Year of Horse", muito mais melódico e com um peso bastante aparente, só que menos "dark". "Mad Horse" alcança um novo patamar tanto para os músicos, cuja formação foi modificada este ano, quanto para as canções em si. Vale lembrar que "Challenges & Desires", do disco de 2014, continua sendo uma música daquelas que gruda na cabeça. Mas a aposta "Ghosts on the Road" também alcançará um lugar de destaque para quem gosta do som da Horse. 

"Mad Horse" tem seu lançamento em formato físico previsto para 2018. 

Tópicos